Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Os deputados do Sr Manuel!

por Moralez, em 31.10.17

Conversa entre marido e mulher: 

- Ó Maria, não me sinto bem dos....

- Dos quê, Manel?

- Dos órgãos...

- Ah, Manel e porque não vais ao médico?

- Tenho vergonha...

- Vergonha??!! Ó homem chegas lá e dizes que estás doente dos deputados, ele vai entender...

O Manel foi ao médico, entra no consultório, explica-lhe a situação, e medicado volta pra casa.

Tempos depois a Maria vai a passear na rua quando vê o médico:

- Então D. Maria bom dia!

- Bom dia Sr. Dr.

- Então, conte-me lá como vão os deputados do Sr. Manel!

- Oh Sr. Doutor, os deputados estão bem, agora o 1º ministro nunca mais levantou a cabeça!

 

So long fellows!

Autoria e outros dados (tags, etc)


Não se faz....

por Moralez, em 30.10.17

São 18:00 horas o organismo sabe, isto não se faz…

 mudanca-hora.jpg

 (ainda são 17:00 horas pela nova hora)

 

So long fellows!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

O Presidente de uma determinada empresa, casado há 25 anos, tem uma grande dúvida se fazer sexo com a sua mulher, depois de tanto tempo de casamento, é trabalho ou prazer. Como estava na dúvida, ligou ao  Diretor Geral e perguntou-lhe o que ele achava.

O Diretor ligou ao Vice-diretor e fez a mesma pergunta. O Vice-diretor ligou ao Gerente Geral e fez a mesma pergunta.

E assim seguiu a corrente de ligações até que a pergunta chegou ao Sector Jurídico e o Advogado Chefe perguntou como de praxe, ao Estagiário que estava todo atarefado a fazer mil coisas ao mesmo tempo.

- Rapaz, tens um minuto para responder a esta questão: se quando o Presidente da nossa empresa faz sexo com a mulher dele é trabalho ou prazer???

- É prazer, Doutor!!! - Respondeu o Estagiário prontamente e com segurança.

- Bom? Como é que podes responder isso com tanta segurança e certeza?

- É que... Se fosse trabalho, já me tinham mandado fazer!!!

 

So long fellows!

Autoria e outros dados (tags, etc)


Somos um produto da nossa educação...

por Moralez, em 27.10.17

Como querem que me porte bem depois dos 40...???

Se em criança via o Tarzan que andava nú,

A Gata Borralheira que chegava a casa à meia-noite,

O Pinóquio que mentia a cada instante,

O Batman que conduzia a 320 km/h,

A Bela Adormecida que era uma grande preguiçosa,

A Branca de Neve que vivia com 7 anões,

O Capuchinho Vermelho que não ligava nenhuma ao que lhe dizia a mãe,

A Betty Boop que andava vestida como uma prostituta,

O Polegarzinho que espalhava migalhas por todos os lados,

O Popeye que fumava erva!!!!!

Vá lá... não me lixem... muito bons saímos nós!!!

 

So long fellows!

Autoria e outros dados (tags, etc)


Desabafo de uma senhora idosa!

por Moralez, em 26.10.17

Na fila do supermercado, o caixa diz a uma senhora idosa:

- A senhora deveria trazer as suas próprias sacolas para as compras, uma vez que sacos de plástico não são amigáveis com o ambiente.

A senhora pediu desculpas e disse:

- Não havia essa onda verde no meu tempo.

O empregado respondeu:

- Esse é exatamente o nosso problema hoje, minha senhora. A sua geração não se preocupou o suficiente com o nosso ambiente.

- Você está certa - responde a velha senhora - a nossa geração não se preocupou adequadamente com o ambiente.

Naquela época, as garrafas de leite, garrafas de refrigerante e cerveja eram devolvidos à loja.

A loja mandava de volta para a fábrica, onde eram lavadas e esterilizadas antes de cada reuso, e eles, os fabricantes de bebidas, usavam as garrafas, umas tantas outras vezes.

Realmente não nos preocupamos com o ambiente no nosso tempo.

Subíamos as escadas, porque não havia escadas rolantes nas lojas e nos escritórios.

Caminhávamos até o comércio, ao invés de usar o nosso carro de 300 cavalos de potência a cada vez que precisamos ir a dois quarteirões.

Mas você está certa. Nós não nos preocupávamos com o ambiente.

Até então, as fraldas de bebés eram lavadas, porque não havia fraldas descartáveis.

Roupas secas: a secagem era feita por nós, não nestas máquinas bamboleantes de 220 volts.

A energia solar e eólica é que realmente secavam nossas roupas.

Os meninos pequenos usavam as roupas que tinham sido de seus irmãos mais velhos, e não roupas sempre novas.

Mas é verdade: não havia preocupação com o ambiente, naqueles dias.

Naquela época só tínhamos uma TV ou rádio em casa, e não uma TV em cada quarto.

E a TV tinha um ecrã do tamanho de um lenço, não um ecrã do tamanho de um estádio; que depois será descartado como?

Na cozinha, tínhamos que bater tudo com as mãos porque não havia máquinas elétricas, que fazem tudo por nós.

Quando embalávamos algo um pouco frágil para o correio, usamos jornal amassado para protegê-lo, não plástico bolha ou filme de plástico que duram cinco séculos para começar a degradar-se.

Naqueles tempos não se usava um motor a gasolina apenas para cortar a relva, era utilizado um cortador de relva que exigia músculos. O exercício era extraordinário, e não precisava ir a um ginásio e usar passadeiras que também funcionam a eletricidade.

Mas você tem razão: não havia naquela época preocupação com o ambiente.

Bebíamos diretamente da fonte, quando estávamos com sede, em vez de usar copos plásticos e garrafas pet que agora são aos milhares nos oceanos.

Canetas: recarregávamos com tinta umas tantas vezes ao invés de comprar uma outra.

Afiávamos as navalhas, ao invés de deitar fora todos os aparelhos "descartáveis" e poluentes só porque a lâmina ficou sem corte.

Na verdade, tivemos uma onda verde naquela época.

Naqueles dias, as pessoas apanhavam o autocarro e os meninos iam nas suas bicicletas ou a pé para a escola, ao invés de usar a mãe como um serviço de táxi 24 horas. Tínhamos só uma tomada em cada quarto, e não um quadro de tomadas em cada parede para alimentar uma dúzia de aparelhos.

E nós não precisávamos de um GPS para receber sinais de satélites a milhas de distância no espaço, só para encontrar a pizzaria mais próxima.

Então, por que razão a atual geração fala tanto em "meio ambiente", mas não quer abrir mão de nada e não pensa em viver um pouco como na minha época?

So long fellows!

Autoria e outros dados (tags, etc)


Antigamente é que era!!!

por Moralez, em 25.10.17

Lá está, um bom marido é sempre portador de "carteira" e com muitos euros, o Joaquim devia ser abastado.

No tribunal do Porto este cartão permitia espancar a mulher em caso de adultério e acho que o juiz Neto de Moura ainda tem um cartão destes.

bom marido.jpg

Para que não restassem dúvidas... tinha o aval da sogra!

 

So long fellows!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Coisas do novo acordo das hortaliças

por Moralez, em 25.10.17

À luz do novo acordo Horto-gráfico tinha que sair porcaria pois como o próprio nome indica (Horto) deve ter sido feito por nabos. (isto de copiar o Brasil)

Então se factura passou a ser fatura, objectivo passou a ser objetivo e directa passou a ser direta, porque é que espectador não passou a ser espetador?

Quem vê uma peça de teatro deixava de ser um espectador, passa a ser um espetador.

Mas então se passava a ser um espetador vai lá espetar o quê? E no quê ou em quem???

E uma vez que é de pessoas que estamos a falar dá para perguntar:

- Então aquilo seria um teatro ou um bordel?

 

So long fellows!

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


O carro do sogro

por Moralez, em 24.10.17

O tipo chega com a amante a um motel e encontra lá o carro do sogro estacionado. Indignado com a leviandade do sogro resolveu aplicar-lhe uma lição.

Rouba-lhe o rádio do carro e ainda faz alguns riscos nas portas.

No dia seguinte vai visitar o sogro, que se mostra muito enfurecido.

- Está triste, sogrinho? Aconteceu alguma coisa? Porquê que está assim?

Ao que o sogro esclarece:

Como não haveria de estar chateado, emprestei o carro à descuidada da tua mulher pra ir à igreja e, vê só, roubaram-lhe o radio e ainda riscaram a porcaria das portas!!!

 

So long fellows!

Autoria e outros dados (tags, etc)


A nota de 100$00

por Moralez, em 23.10.17

Lembras-te desta velhinha nota de 100$00?

Então recorda-te do que se conseguia fazer com ela há 40 anos...

nota 100.gif

 

Comíamos um frango de churrasco no Bom Jardim                         20$00

Víamos uma matinée no Cinema S. Jorge (Música no Coração)     10$00

Bebíamos 2 ginginhas no Rossio                                                      3$00

Comíamos 2 sandes de presunto no Solar dos Presuntos               6$00

Jantar no Parque Mayer (Sardinhas Assadas)                                 17$50

Assistíamos a uma Revista à Portuguesa no Parque                       16$00

Telefone para dizer que tínhamos perdido o último barco                 1$00

Dormir numa pensão com pequeno-almoço incluído                         25$00

O resto da nota dava para ir de carro eléctrico                                  1$50

Total                                                                                                    100$00

 

Hoje... 100$00 são € 0,50 e dá para uma pequena gorjeta!

Os tempos são outros, diferentes realidades, e o valor do dinheiro também...

 

So long fellows!

Autoria e outros dados (tags, etc)


Matematicamente falando!

por Moralez, em 20.10.17

É espantosa a capacidade de conceber matematicamente tal resultado!

Os meus parabéns a quem concebeu tal equação, seja ele quem for!

Quem é o Grande exemplo da tua vida?



São só duas ou três continhas e será  revelada uma Grande surpresa, algo que ainda não tinhas consciencializado!

Mas não faz mal... Mais vale tarde do que nunca...



                 1) Escolhe o teu número  preferido de 1 a 9;

                 2) Multiplica-o por 3;

                 3) Soma 3 ao resultado;

                 4) Multiplica o resultado por 3;

                 5) Soma os dígitos do resultado.



 Anda para baixo...

 Vê o número que corresponde ao teu exemplo de vida:



                                         1. Albert Einstein

                                         2. Nelson Mandela

                                         3. Ayrton Senna

                                         4. Helen Keller

                                         5. Bill Gates

                                         6. Gandhi

                                         7. George Clooney

                                         8. Thomas Edison

                                         9. José Sócrates

                                       10. Abraham Lincoln

P.S.: Para de escolher outros números, este é o teu ídolo, Admite!

Dizes mal do homem, mas depois descobre-se que é o teu modelo de vida...

Nunca me enganaste!!... 

 

So long fellows!

Autoria e outros dados (tags, etc)

Pág. 1/3



Mais sobre mim

foto do autor


Segue-me


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Follow


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D





Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Estatísticas