Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Feliz 2018!

por Moralez, em 31.12.17

Deixei de "pedir"!!!

 

Abandonei os pedidos de ano para ano, não que me tenha acomodado negativamente à vida, não, não faz parte da minha alma valente, acho que vou lutar sempre, sempre pela vida.


A vida para mim, cada vez mais, tem um significado simples, nela encontro-me facilmente, sei o que quero e para onde devo ir, aprendi a gostar da minha história, dos meus erros, dos meus passados, das minhas vitórias, das minhas pessoas, das pessoas dos outros, mas nem sempre é fácil.


Sei viver com a crítica construtiva ou não, é que na verdade a crítica não deixa de ser uma simples opinião, só isso nada mais, mas nem sempre é fácil.


Os obstáculos passarão a ter uma aceitação serena e saudável, no momento que aprendes que tudo é fruto dos teus pensamentos sobre a realidade em que vives, por isso privilegia a paz na tua vida, nunca te esqueças que és tu que escolhes o trilho dos teus pensamentos, que os encaminhas e ordenas, por isso és tu que comandas a tua vida, mas nem sempre é fácil.


O futuro que desejamos actualmente, que tanto ambicionamos, de uma forma global e parametrizada, como um rebanho de ovelhas guiadas por um objectivo menor, errado, quase que imposto sem nos apercebermos, cada vez mais o abandono, não quero esse futuro, quero um futuro melhor, com seres humanos melhores, diferentes e conscientes do seu papel neste mundo, mas nem sempre é fácil.

 

Abandono esse futuro, não porque não tenha sonhos ou desejos como todas as pessoas, mas passarei a saber viver um dia de cada vez e aprenderei a saber viver o dia que não chegou, o dia de amanhã, mas nem sempre é fácil.


O futuro é fruto de grandes ansiedades e na verdade é uma espécie de ilusão, não aconteceu, não o prevês, não o controlas e isso provoca uma enorme ansiedade, temos de aprender a esperar que o futuro aconteça para o vivermos da melhor forma, mas nem sempre é fácil.


Abraço o presente, este agora onde posso realizar coisas de verdade! Exercitar corpo e mente mais e melhor, falar melhor, viver melhor, comer melhor, ser melhor, viver melhor, mas nem sempre é fácil, é verdade...


Aqui no presente, onde as histórias são vividas com toda a consciência, é aqui que devemos viver da melhor forma, estamos no presente, aqui e agora, vamos usufrui-lo, sim?


A vida presenteia-nos diariamente com várias conquistas que não valorizamos, ganhos que parecem insignificantes mas fazem toda a diferença quando somados, temos o dever de os aproveitar, com pessoas maravilhosas que entram nas nossas vidas e outras que nos deixam por opção ou de forma imposta por algo maior, a vida ensina-nos a saber apreciar, observar e sentir cada parte do dia, sempre a aprender para ser melhor ser humano.


O amor juntamente com a paz passará a ser para mim um objectivo diário, por estes dois objectivos lutarei sempre junto com a pessoa mais importante para mim nesta vida, a minha Psicogata.


A ti, que me lês, desejo que sejas feliz na tua história, vive o momento, deixa as histórias dos outros e mergulha nas tuas histórias com toda a energia e calma e serás um melhor ser humano, desejo que abandones os medos, esses que não te deixam passar ao capítulo seguinte, cresce e aceita que erras, muda e vira a página! Acredita em ti, eu acredito.


O caminho aguarda-te com vontade que sejas feliz!


Amor e Paz para todos nós.


FELIZ 2018 FELLOWS.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Jantar de 65 anos de casados!

por Moralez, em 29.12.17

Um casal de velhos fazia 65 anos de casados e foram a um restaurante para festejar.

Diz o velhote:

Minha rainha, onde te queres sentar?

Aqui, diz a velhota.

- Princesa, queres um aperitivo?

- Sim, obrigada.

- Meu anjo, o que te apetece comer?

Ela pede o menu e faz o seu pedido.

- Meu doce, que vinho preferes?

O empregado mal podia acreditar no que ouvia.

A velhota vai ao WC e ele aproveita para falar com o velhinho:

- Que coisa bonita! Como o senhor ainda consegue tratar a sua esposa com esses nomes tão carinhosos ao fim de tantos anos? Rainha, Princesa, Anjo, Doce... Estou verdadeiramente admirado!

O velhote olha-o nos olhos e responde:

- Sabe, é que não consigo me lembrar do nome dela!

 

So long fellows!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


A loira e o extintor!

por Moralez, em 28.12.17

Depois de apagarem um incêndio, os bombeiros encontraram uma vítima mortal.

Era uma loira, de cabeça para baixo, com o dedo indicador a apontar para algures.

Ao lado dela, estava um extintor onde se lia:

"Em caso de incêndio, vire de cabeça para baixo e aponte para a chama."

 

So long fellows!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Um verdadeiro romântico...

por Moralez, em 27.12.17

Um casal vai a um restaurante muito fino e, entretanto, a mulher descuida-se. De imediato diz para o marido, tentando disfarçar:

- Ai, querido. Estas cadeiras fazem tanto barulho.

E responde o marido:

- Pudera! Com um peido desses querias o quê!!!

 

So long fellows!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


O Natal agora é assim...

por Moralez, em 25.12.17

Carta de uma criança insatisfeita, que dirigiu ao Pai Natal hoje no dia 25 de Dezembro:

 

Querido Pai Natal

Acharás estranho que te escreva no dia 25 de Dezembro, mas quero esclarecer algumas coisas que me ocorreram desde que te enviei uma carta cheia de ilusões na qual te pedia que me trouxesses uma bicicleta, uns patins em linha, um comboio elétrico e um jogo de computador.

Quero dizer-te que me estafei a estudar todo o ano letivo, tanto que, não só fui dos primeiros da minha turma, como tirei nota 20 a quase todas as disciplinas e não te estou a enganar. Ninguém se portou melhor do que eu, nem com os pais, nem com os amigos, nem com os irmãos e nem com os vizinhos.

Fiz recados sem cobrar nada, ajudei velhinhos a atravessar a rua e não houve nada que eu não fizesse pelo meu semelhante e mesmo assim… que grande lata…ó Pai Natal!!!

É que… olha que deixar debaixo da Árvore de Natal, um raio dum pião, uma porcaria de uma corneta e um triste par de meias… fogo… quem é que pensas que és ó barrigudo?

Ou seja, porto-me como um camelo o ano inteiro para que venhas com a porcaria das prendas, e como se não bastasse ao tótó do filho da vizinha, um estúpido, que grita com a estúpida da mãe a torto e a direito e é um pandemónio lá em casa, tu deste-lhe tudo o que ele te pediu…

Agora quero que tu te lixes e que te esbarres contra os cornos das renas, com essas prendas tu não faz falta a ninguém.

Mas não deixes de regressar para o ano que vem, que vou rebentar à pedrada as tuas renas que vais bater com o focinho cá em baixo que te vais lixar. Vou começar por essa tua rena Rudolph que tem nome de larilas e vais andar a pé já que a bicicleta que te pedi era para ir para a escola que é longe para burro!!!

Ah!… é verdade… não me quero despedir sem te mandar para o raio que te parta.

Por isso aviso-te, que para o ano vais saber o que é bom para a tosse. Vou lixar o juízo a toda a gente durante o ano todo.

P.S. – quando quiseres podes vir buscar o pião, a corneta e as meias, mas acorda-me para eu tos enfiar pelo "coiso" acima.

 

So long fellows!

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Querido Pai Natal...

por Moralez, em 23.12.17

Carta de uma criança ao Pai Natal:
 
"Querido Pai Natal... Por favor, manda-me um irmão!"

Resposta do Pai Natal:

"Por favor, manda-me a tua mãe!"

 

So long fellows!

Autoria e outros dados (tags, etc)


Feliz Natal!

por Moralez, em 22.12.17

Meus caros! Digo-vos isto com tristeza... Este ano não há presépio!

A vaca está a contribuir muito para o buraco da camada do ozono.

Os Reis Magos não vêm porque os camelos estão no governo juntamente com o burro.

José e Maria foram meter os papéis para o rendimento mínimo e a ASAE fechou o estábulo por falta de condições.

O Tribunal de Menores ordenou a entrega do menino ao seu pai biológico.

E antes que me cortem a palavra e a internet, aproveito para vos desejar um Feliz Natal!

 

So long fellows!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Os homens são mesmo fantásticos.

por Moralez, em 21.12.17

1. Os homens são como as férias.
Não duram o suficiente.

2. Os homens são como as batatas.
Os novos só descascados e os velhos só a murro.

3. Os homens são como as bananas.
Quanto mais envelhecem mais moles ficam.

4. Os homens são como o tempo.
Não podes fazer nada para mudá-lo.

5. Os homens são como o café.
Os melhores são quentes, fortes e mantém-te acordada durante toda a noite.

6. Os homens são como o computador.
Difíceis de entender e constantemente sem memória.

7. Os homens são como a publicidade.
Jamais se pode acreditar numa palavra daquilo que eles dizem.

8. Os homens são como a conta no banco.
Sem dinheiro não geram interesse.

9. Os homens são como as pipocas.
Satisfazem, mas só um pouco.

10. Os homens são como um nevão.
Nunca sabes quando chega, quantos centímetros terá ou quanto tempo durará.

11. Os homens são como as fotocopiadoras.
Servem para a reprodução.

12. Os homens são como o estacionamento.
Todos os lugares bons estão ocupados, os outros são deficientes.

13. Os homens são como as casas de banho.
As que têm papel estão ocupadas.

Agora mostra isto às mulheres inacreditáveis que conheces, e aos eventuais homens compreensivos, simpáticos e divertidos que tiveram a sorte de te conhecer!!!!!!!!!!

Podem sempre acrescentar mais alguns: Os homens são como_____________________....

 

 

So long fellows!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Três ratos à conversa!

por Moralez, em 20.12.17

Três ratitos estão num bar a conversar e a gabar-se das suas maiores façanhas.

Diz o primeiro:

- Uma vez comi um saco de veneno para ratos sozinho!

Diz o segundo:

- Ora, isso não é nada! Uma vez fui apanhado numa armadilha para ratos e parti-a toda!

Diz o terceiro, conforme pousa o copo:

- Bem... Vou-me embora... Vou para casa, atazanar a vida ao gato…

 

So long fellows!

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


O que é isso, pá?

por Moralez, em 19.12.17

Um homem apresenta-se com um lenço atado, dando a volta por cima da cabeça e por baixo do queixo, apertado.
- O que é isso, pá? - Pergunta-lhe um amigo - Dói-te a cabeça? Os dentes? Ou foi algum desastre?
- Nada disso. Morreu a minha sogra.
- Então?... Morreu-te a sogra... e porque é que trazes os queixos amarrados?
- É para não me rir!!!

 

So long fellows!

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Pág. 1/3



Mais sobre mim

foto do autor


Segue-me


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Follow


Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D





Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Estatísticas